“Próximo CEO vai acabar com atual política de preços?”, perguntam caminhoneiros – Money Times


Wallace Landim, Caminhoneiros
Wallace Landim, uma das lideranças dos caminhoneiros, deixa recado duro para o próximo CEO da Petrobras (PETR4). Confira. (Imagem: Reprodução/Facebook/Wallace Landin)

As lideranças de movimentos de caminhoneiros também receberam com surpresa a troca de comando na Petrobras (PETR4), assim como todo o mercado financeiro reage nesta terça-feira (24). Caminhoneiros deixam recado ao novo CEO da estatal.

O presidente da Abrava (Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores) Wallace Landin, o Chorão, afirmou hoje que a categoria dos caminhoneiros está surpresa com mais uma troca de CEO na Petrobras em menos de 40 dias.

Landim afirmou que a categoria dos caminhoneiros autônomos, motoristas de aplicativos e motoboys precisam do mínimo de segurança e previsibilidade para continuar trabalhando em face dos sucessivos aumentos dos combustíveis no Brasil.

Na véspera, o presidente Jair Bolsonaro demitiu José Mauro do comando da Petrobras e convidou Caio de Andrade para presidir a estatal, indicação que ainda depende de aprovação na assembleia de acionistas.

A demissão foi atribuída aos efeitos da extrema volatilidade do preço do petróleo nos mercados internacionais.

Recado para novo CEO da Petrobras

Landim, em nome dos caminhoneiros e demais profissionais ligados ao setor de transportes, pediu mais transparência em relação ao estoque de diesel no mercado interno.

“O novo CEO da Petrobras precisa dizer para a categoria se os preços do diesel vão parar de subir e se existe risco de desabastecimento”, indaga.

O presidente da Abrava também fez críticas à ANP (Associação Nacional de Petróleo e Gás), dizendo que a mesma pouco tem feito para amenizar a disparada dos preços dos combustíveis nas bombas.

A própria ANP divulgou recentemente que a disparada do preço do diesel chegou ao patamar recorde de R$ 6,94, o que despertou novos rumores de uma greve nacional de caminhoneiros.

Por sua vez, caminhoneiros levantaram a questão se o próximo CEO da Petrobras, que é oriundo do mercado financeiro, vai acabar com a atual política de preços de combustíveis, que acompanha as variações do dólar e do petróleo no mercado internacional.

Disclaimer

Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!



Source link