Pool de mineração revoluciona forma de pagar mineradores economizando R$ 55 milhões em taxas; entenda


As altas taxas de transações observadas na rede Ethereum podem ser um incômodo até mesmo para os mineradores da rede. Foi esse problema que a pool de mineração de Ethereum 2Miners identificou e se propôs a resolver.

Nesse artigo vamos contar como isso aconteceu e apresentar alguns números bem interessantes (e até chocantes) sobre como o caso vem impactando o negócio e o mercado.

A pool de mineração 2Miners

De acordo com o poolwatch.io, a 2Miners é a quarta maior pool de mineração de Ethereum em poder computacional, fazendo 32,7 TH/s nesse exato momento (apenas 2 TH/s menos que a terceira posição) e responsável por 3,9% de toda hashrate da rede. Ela é a terceira maior em número de mineradores, com 70.560.

comparação entre pools de mineração por poder computacional

No dia 11 de outubro de 2021, a pool publicou um post em seu blog comentando sobre o aumento de taxas na rede Ethereum decorrente de um aumento do número de transações e da nova dinâmica de tamanho de bloco e taxas que vieram com o hard fork “London Upgrade” em agosto.

Na época da postagem, as taxas de rede estavam em torno de US$10 e, de acordo com a publicação, já era um valor de alto impacto no rendimento e na viabilidade do negócio para alguns pequenos mineradores. Um minerador que produzisse US$100 em recompensas, ao ser pago pela mineradora, direcionaria 10% de seu lucro para a rede.

Isso ocorre porque os mineradores compartilham poder computacional com a pool, para melhorar suas chances de minerar blocos e, por consequência, recebem a recompensa do trabalho.

É responsabilidade da pool de mineração receber a recompensa da rede em uma conta de seu controle e distribuir pagamentos proporcionais ao hashrate gerado por cada minerador participante.

Os pagamentos são diários e cada pagamento em ETH envolve uma transação e, por consequência, um pagamento do gas (taxa no Ethereum), que no dia 22 de novembro, por exemplo, estava em uma média de 50 dólares segundo a página @TransactionFees.

O problema e sua solução

Em muitas pools de mineração, os mineradores precisam esperar dias, semanas ou meses para acumular um mínimo de recompensa denominado “no payout fee” para receber seu pagamento sem desconto das taxas (a pool absorve esse valor). Na @nanopool_org, por exemplo, esse valor dia 22/11 estava em 0.4 ETH (aproximadamente US$1.720,00).

O problema de esperar tanto tempo é que o minerador corre o risco de sofrer com a volatilidade negativa do ativo. 

Se a moeda se desvalorizar antes do minerador realizar seu lucro e converter os ganhos para a moeda fiat local para cobrir seus custos de mineração (energia, internet, equipamento, etc), seus ganhos não serão condizentes com o valor produzido nos dias anteriores.

Receber os pagamentos diários é a solução mais eficiente em um mercado tão volátil, e cada minerador pode decidir converter os valores para outra moeda de sua escolha no momento (de acordo com seu trabalho realizado) ou esperar uma possível valorização. Ter a soberania na gestão de sua renda e poder de decisão é o diferencial.

A pool de mineração 2Miners, então, disse que vinha pesquisando já há alguns meses uma possível solução para esse problema e a encontrou na nano.

Nano é dinheiro digital sem taxas e com confirmações definitivas em 0,3 segundo.

Desde o dia  12 de novembro seus mineradores podem escolher receber os pagamentos diários proporcionais de seu trabalho em nano (XNO) em vez de Ethereum (ETH).

A 2Miners também entende que muitos mineradores podem não confiar na nano, por ser uma moeda ainda de baixo marketcap e, portanto, disponibilizaram também a opção do pagamento em Bitcoin on-chain, com taxas menores que as observadas na ethereum e uma ótima reserva de valor, conforme informaram.

O método de pagamento

De forma bem resumida, o processo é o seguinte:

  1. Mineradores decidem e informam como querem receber seus pagamentos;
  2. Mineradores geram provas de trabalho (proof-of-work) para a pool;
  3. A pool minera os blocos com a força conjunta;
  4. A pool recebe as recompensas da rede em uma conta própria;
  5. A pool faz a transferência proporcional para cada minerador que decidiu receber em ETH dentro das limitações da rede e valores de gas;
  6. A pool faz uma transferência única com o restante do valor para uma conta em exchange (vem usando Kraken e Binance);
  7. Dentro da exchange converte os valores proporcionais para BTC e XNO;
  8. Faz uma transferência única em bitcoin e nano para sua conta própria;
  9. Faz transferências individuais de pagamento para cada minerador através do protocolo escolhido.

Alguns números e dados coletados no período e a economia de R$55M pela pool de mineração

Número de mineradores

De acordo com dados coletados pelo usuário u/zergtoshi (reddit), no dia 15 de outubro a 2Miners contava com 47.029 mineradores e no dia 23 de novembro chegou a ter 70.350.

Um aumento de quase 50% no número de mineradores em 39 dias.

Dos 47.029 mineradores totais, 1.751 (3,7%) recebiam seu pagamento em bitcoin e 2.146 (4,5%) em nano. O restante (91,8%) continuavam recebendo em ethereum.

Dos 70.350 mineradores totais, 39 dias depois, 14.367 (20,4%) receberam seu pagamento em BTC e 12.599 (17,9%) receberam em XNO. Apenas 61,7% continuam preferindo ETH.

Total de pagamentos realizados em nano (XNO)

De acordo com dados coletados pelo explorador de blocos NanoLooker, e consolidados por mim (@vinibarbosabr) para o Cointimes na confecção desta matéria, foram realizados um total de 239.885 transações individuais de pagamento em um período de 42 dias (12/10 a 22/11).

Essas transações somaram Ӿ749.375,00 nanos e $4.284.384,00 dólares, com uma média de Ӿ18.006,50 e $110.817,50 por dia respectivamente.

Se replicamos essa média para um período de 365 dias (1 ano), apenas a 2Miners estaria gerando um volume de negociação superior a Ӿ6,5M e $40M, em uma moeda com capitalização de mercado inferior a US$700M e Ӿ133.248.290 de oferta circulante, segundo o CoinGoLive.

As conversões de valor XNO/USD foram de acordo com as cotações diárias correspondentes e a 2Miners realizou um preço médio de $5,72 dólares por Ӿ1 nano com as compras.

tabela de pagamento em nano pela pool de mineração 2miners

O que aconteceria se o mesmo número de transações ocorresse em ETH ou BTC?

Todas as 239.885 transações com nano foram realizadas gastando exatamente $0,00 em taxas de rede.

Mais de US$4M (R$22M) transferidos instantaneamente de forma segura, descentralizada e sem taxas.

Caso o mesmo número de transferências fosse realizado através do bitcoin (algo parecido foi feito, de acordo com dados mostrados anteriormente), a 2Miners teria pago aproximadamente $741.901,37 USD em taxas, de acordo com taxas médias de rede observadas em cada um dos 42 dias do período analisado, segundo a página @TransactionFees.

gráfico

Caso o mesmo número de transferências fosse realizados através do ethereum (não teria ocorrido dessa forma, pois os valores de gas impossibilitam transações pequenas, mas estamos considerando um cenário hipotético), a pool de mineração teria pago aproximadamente $10.081.046,28 USD (R$55M) em taxas. 230% mais do que o valor movimentado.

Gráfico consolidado com todas as informações anteriores

Os valores das taxas de ethereum em dólar estão divididos por 10, para melhor visualização no gráfico.

gráfico consolidado

A grande vantagem de se utilizar nano

Essa lógica pode ser aplicada em praticamente qualquer negócio.

No CoinGoBack (serviço de cashback em criptomoedas para compras online) a ausência de taxas na nano já se prova positiva.

A Flowhub (fintech de pagamentos para o mercado legalizado de cannabis nos EUA) também parece já ter percebido os benefícios do uso da nano para pagamentos.

A Amazon recentemente parou de aceitar compras com cartão de crédito Visa por conta de taxas altas.

E existem dezenas de outros negócios que também já conseguem observar os benefícios do uso da XNO como dinheiro digital eficiente.

Leia mais:

Ethereum não se tornará deflacionário em 2 dias, entenda

O que é Nano (XNO), como funciona e como comprar?

Nano ganha novo ticker e símbolo monetário

Criptomoeda Nano sobe 60% com expectativas de ser aceita pela Tesla

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.





Fonte: cointimes.com.br

Comments (No)

Leave a Reply