Petrobras (PETR3:PETR4) salta mais de 6%; o que motiva a alta das ações nesta segunda? – Money Times


Petrobras
Mercados repercutem a aprovação de Caio Paes de Andrade pelo Comitê de Elegibilidade para o comando da empresa (Imagem: Money Times/Renan Dantas)

As ações da Petrobras (PETR3;PETR4) são negociadas em forte alta nesta segunda-feira (27), dando suporte ao Ibovespa, que retomou o patamar de 100 mil pontos.

Às 16h08, os papéis ordinários e preferenciais da estatal disparavam 6,85% e 6,20%, respectivamente, cotados a R$ 30,89 e R$ 27,92. No mesmo horário, o Ibovespa saltava 2,03%, a 100.673,36 pontos.

Três eventos explicam o movimento da companhia na Bolsa hoje: além da alta do petróleo, os mercados repercutem a aprovação de Caio Paes de Andrade pelo conselho de administração para o comando da empresa e a retomada de cobertura da ação por parte do Itaú BBA com recomendação de “outperform“.

Novo CEO

O Comitê de Elegibilidade da Petrobras aprovou na noite de sexta (24) a indicação de Caio Paes de Andrade, atual secretário de Desburocratização do Ministério da Economia, para o cargo de CEO da Petrobras.

Com isso, o colegiado entendeu que Paes de Andrade preenche os requisitos profissionais para comandar a estatal.

Paes de Andrade foi indicado pelo Ministério de Minas e Energia (MME) após o anúncio de demissão de José Mauro Coelho, que acabou renunciando à presidência da Petrobras no início da semana, depois de apenas dois meses no cargo.

O indicado do presidente Jair Bolsonaro para liderar a petroleira disse ao Comitê de Elegibilidade que não recebeu orientações do governo sobre a mudança da política de preços da empresa, de acordo com a ata da reunião do comitê, publicada no sábado (25).

O nome de Paes de Andrade foi aprovado pelo conselho de administração da Petrobras nesta tarde.

Paes de Andrade foi nomeado conselheiro até a próxima assembleia geral de acionistas, enquanto o mandato como CEO terá prazo até 13 de abril de 2023.

Mais cedo, petroleiros acionistas minoritários da companhia protocolaram uma denúncia na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) contra a nomeação, alegando que o novo presidente não atende os requisitos legais para ocupar o cargo.

BBA retoma cobertura

O Itaú BBA retomou a cobertura da Petrobras com recomendação de outperform, desempenho esperado acima da média do mercado, e preço-alvo de R$ 43 para as ações preferenciais e de US$ 16,40 para os ADRs (American Depositary Receipts).

De acordo com os analistas da instituição, os bons fundamentos da companhia, combinados com os atuais níveis de preço do petróleo e volumes de produção crescentes, devem resultar em geração de fluxo de caixa “forte demais para ser ignorada”.

Além disso, o valuation atual da Petrobras está atraente e pode acomodar até mesmo cenários extremos. A ação é negociada a 2 vezes EV/Ebitda (valor da empresa sobre Ebitda) para 2022 e 2,1 vezes para 2023.

Receba as principais notícias de Comprar ou Vender!

Cadastre-se gratuitamente na newsletter de Comprar ou Vender e receba, todos os dias (de segunda a sexta-feira), uma seleção com as principais notícias e apontamentos sobre as carteiras de bancos e corretoras, além de um produto exclusivo: a Carteira Money Times, o maior consenso do mercado. Clique aqui para se cadastrar!

Disclaimer

Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.



Source link