Mesmo com volatilidade do Bitcoin (BTC), investidores de longo prazo continuam confiantes, segundo análise


Nesta terça-feira (23), a volatilidade do mercado de criptomoedas não afastou ou afugentou os investidores de longo prazo do Bitcoin (BTC), segundo aponta o mais recente relatório da corretora americana Kraken.

A altcoin CRO continua a desempenhar uma trajetória ascendente. Enquanto isso, no mercado brasileiro, À medida que a dívida e a trajetória fiscal do Brasil flertam com uma espiral descendente, o relatório FOCUS mostrou mudanças importantes nas expectativas de mercado.

Confira todas as notícias que influenciarão sua carteira no Resumo de Mercado de hoje.

“Indicadores mostram os investidores de longo prazo bastante confiantes”, segundo análise

Em outras 24 horas voláteis, o bitcoin atingiu um pico de quase US$ 3.000 em minutos antes de rumar vigorosamente para o sul para testar novamente US$ 55.000. Atualmente a montanha-russa cripto estacionou em US$ 57.336 – R$ 320.384 nas principais corretoras brasileiras, segundo o CoinGoLive.

Durante o mês de setembro e outubro, relatórios e análises apontavam que o choque de oferta do BTC e ETH tinham impulsionado novas máximas de preços. Entretanto, os dados da rede sugeriam que o mercado não estava ainda superaquecido. 

Agora em novembro, segundo o relatório da corretora Kraken, o fluxo de bitcoins para fora das corretoras continuará a pressionar o fornecimento de moedas. 

“Indicadores on-chain como o ETH’s MVRV Z-Score e o BTC’s Reserve Risk indicam que ambas as criptomoedas estão longe de serem consideradas ‘supercompradas’ ou estarem com preços ‘supervalorizados’ no mercado. Além do mais, os dois indicadores mostram os investidores de longo prazo bastante confiantes”

, disseram em relatório.

Relatório da kraken mostrou esse gráfico de saída de BTC das corretoras
Saída de BTC de corretoras – Fonte: Kraken Intelligence e Glassnode

A volatilidade não incomodou os investidores cripto pois todos estavam entretidos com a conferência de bitcoin que está ocorrendo em El Salvador agora.

Durante a conferência, o presidente Nayib Bukele anunciou planos para construir uma cidade inteira baseada em Bitcoin, a Bitcoin City.  

A cidade será construída na região oriental de La Union e receberá a energia geotérmica de um vulcão. Como tal, o presidente prometeu que produzirá emissões zero e não cobrará muitos impostos.

Ele acrescentou ainda seus planos megalomaníacos para a cidade que será circular – semelhante às cidades fundadas por Alexandre o Grande – mas também terá um aeroporto, áreas residenciais e comerciais, e terá uma praça central que deverá se parecer com o símbolo BTC visto do ar.

Você pode entender melhor sobre como será financiada esta iniciativa que terá o apoio da Blockstream de Adam Back e da iFinex – a empresa por trás da Tether (USDT) e da Bitfinex. Entenda: El Salvador anunciou que emitirá títulos de dívida atrelados ao Bitcoin.

Expectativas de mercado

Antes de começar a discutir os dados da economia brasileira, precisaremos fazer uma breve menção sobre uma decisão de política monetária importante do presidente dos EUA.

A decisão do presidente Joe Biden por manter o comando do Fed sob direção de Jerome Powell, é vista pelo mercado como um caminho mais seguro. Em decorrência do cenário lá fora, o S&P 500 terminou o dia com mais uma alta histórica.

A moeda americana está negociada agora a R$ 5,59. Tornando ao cenário nacional, então, percebemos que o real continua perdendo força.

O relatório FOCUS mostrou mudanças importantes nas expectativas de mercado. O documento apresentou uma inflação acumulada deste ano com mais de dois dígitos.  

Segundo a análise já publicada pelo banco americano Wells Fargo, a moeda brasileira tende a enfraquecer. “Embora a regra fiscal possa estar intacta por enquanto, continuamos a acreditar que Bolsonaro buscará melhorar ainda mais as transferências monetárias à medida que as eleições se aproximam”.

“À medida que a dívida e a trajetória fiscal do Brasil pioram com o tempo, acreditamos que o sentimento do mercado financeiro pode ficar negativo em relação ao Brasil e ao real brasileiro”, dizem os economistas do Banco. 

CRO continua a subir 

Boa parte das altcoins imitou o desempenho do BTC nas últimas 24 horas, o que significa que elas também sofrem com a alta volatilidade deste mercado nas últimas 24 horas. Ethereum (ETH) sobe 0,26% em um dia e segue negociada a US$ 4.210. 

Ethereum dados e saídas das corretoras
Saída de ETH das corretoras – Fonte: Kraken intelligence e Glassnode

A Avalanche, que tem estado entre os de melhor desempenho ultimamente, caiu 4% em uma escala diária. Como resultado, o AVAX é negociado abaixo de US$ 130.

Em contraste, o token nativo da Crypto.com aumentou novamente em 15% e agora está acima de US$ 0,75. Elrond também continua a marcar novos recordes, e o mais recente chegou a US$ 540 nesta manhã.

O resultado das principais altcoins nas últimas 24 horas é o seguinte: Ethereum (+0,26%), Binance Coin (-1,89%), Solana (-2,39%), Cardano (-1,11%), Ripple (+1,03%), Polkadot (-1,13%),  Dogecoin (+3,85%), Avalanche (-4,43%), Shiba Inu (-4,06%) e Crypto.com (+15,28%). 

De acordo com o CoinGoLive, a capitalização de mercado de todos os ativos cripto está em cerca de US$ 2,69 trilhões nesta terça-feira.

Acompanhe as notícias do mercado cripto no grupo do Telegram do Cointimes (acesse) e tenha um ótimo dia de negociações.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br





Fonte: cointimes.com.br

Comments (No)

Leave a Reply