Instituições compram Bitcoin em vez de ouro à medida que a inflação aumenta



O Bitcoin (BTC) liderou uma alta de 35% nesta semana, subindo muito acima do nível de resistência de US$ 50.000 e restaurando uma capitalização de mercado de US$ 1 trilhão para o criptoativo.

De acordo com uma nota compartilhada pelo JPMorgan com clientes na quinta-feira, o recente aumento no preço do BTC foi atribuído predominantemente a investidores institucionais em busca de proteção contra a inflação.

“O ressurgimento das preocupações com a inflação entre os investidores renovou o interesse no uso do Bitcoin como proteção contra a inflação”, disseram os analistas, argumentando que houve uma mudança na percepção quanto aos méritos do BTC em relação ao ouro.

“Os investidores institucionais parecem estar voltando ao Bitcoin, talvez vendo-o como uma proteção de inflação melhor do que o ouro.”

As instituições não estão sozinhas. A estrela do Shark Tank, Kevin O’Leary, afirmou no início desta semana que as criptomoedaa agora são responsáveis por uma alocação maior em seu portfólio do que o ouro.

O ímpeto em direção ao Bitcoin está em contraste com um relatório do JPMorgan de maio, quando analistas notaram que grandes investidores na época estavam trocando o Bitcoin pelo ouro tradicional.

O endosso implícito do Bitcoin pelos principais bancos e reguladores vai acelerar o colapso do #Ouro e a ascensão do #Bitcoin como o refúgio seguro preferencial de valor para investidores institucionais e de varejo.https: //t.co/7os1ojenHs

– Michael Saylor⚡️ (@michael_saylor) 7 de outubro de 2021

O JPMorgan forneceu dois outros fatores que acredita estarem por trás do rali atual.

“As recentes garantias dos legisladores dos EUA de que não há intenção de seguir os passos da China de proibir o uso ou mineração de criptomoedas”, observaram os analistas, bem como:

“A recente ascensão da Lightning Network e das soluções de pagamentos de segunda camada ajudadas pela adoção do Bitcoin em El Salvador.”

Ao contrário de outros analistas nesta semana, o JPMorgan não citou especulações sobre a aprovação iminente de um fundo de futuros negociados em exchanges de Bitcoin como um fator significativo para o preço.

O BTC está sendo negociado a US$ 53.884,76, de acordo com a CoinMarketCap, no momento desta publicação.

Apesar de algumas divisões do JPMorgan expresarem um interesse crescente em criptomoedas e iniciativas de blockchain, o CEO Jamie Dimon declarou em uma entrevista na segunda-feira que continua cético em relação ao BTC e até mesmo o comparou a “um pouco de ouro de tolo”.

LEIA MAIS: 

 

 

 

 

 

Bitcoin (BTC) has led a 35% rally this week by soaring far above the $50,000 resistance level and restoring a $1-trillion market capitalization to the asset.

According to a note shared by JPMorgan with clients on Thursday, the recent increase in price for BTC was predominantly attributed to institutional investors looking for a hedge to inflation.

“The re-emergence of inflation concerns among investors has renewed interest in the usage of Bitcoin as an inflation hedge,” the analysts said, arguing there has been a shift in perception as to the merits of BTC in relation to gold.

“Institutional investors appear to be returning to Bitcoin perhaps seeing it as a better inflation hedge than gold.”

Institutions aren’t alone there. Shark Tank star Kevin O’Leary stated earlier this week that crypto now accounts for a larger allocation in his portfolio than gold does.

The momentum toward Bitcoin is in contrast to a JPMorgan report in May when analysts noted big investors at the time were switching out of Bitcoin and into traditional gold.

JPMorgan provided two other factors it believes are behind the current rally.

“The recent assurances by US policy makers that there is no intention to follow China’s steps towards banning the usage or mining of cryptocurrencies,” the analysts noted, as well as:

“The recent rise of the Lightning Network and 2nd layer payments solutions helped by El Salvador’s Bitcoin adoption.”

Unlike other analysts this week, JPMorgan did not cite speculation around the imminent approval of a Bitcoin futures exchange-traded fund as a significant driver of the price.

BTC is trading at $53,884.76, according to CoinMarketCap, at the time of writing.

Related: Crypto exposure has positive impact on investment portfolios, study shows

Despite some divisions of JPMorgan expressing a growing interest in crypto assets and blockchain initiatives, CEO Jamie Dimon stated in an interview on Monday that he remains a skeptic of BTC and even compared it to “a little bit of fool’s gold.”

Direcione seus links para OKEx em artigos, blogs e vídeos, ou coloque anúncio em seu site. O melhor programa de afiliados está na OKEx com comissões de 60%, as mais altas do mercado.

Obtenha seu link agora na OKEx!





Fonte: cointelegraph.com.br

Comments (No)

Leave a Reply