Galaxy Digital relata perda de US$ 112 milhões no primeiro trimestre, citando a volatilidade dos preços das criptomoedas

A gestora de investimentos em criptomoedas Galaxy Digital Holdings relatou uma forte perda no primeiro trimestre devido a perdas não realizadas em seu portfólio de ativos digitais, ressaltando a maior volatilidade no setor de ativos digitais em 2022.

A Galaxy Digital registrou um prejuízo líquido abrangente de US$ 111,7 milhões no trimestre encerrado em 31 de março, em comparação com um ganho de US$ 858,2 milhões no mesmo trimestre de 2021, anunciou a empresa na segunda-feira (09/05). Além das perdas não realizadas em seu portfólio de ativos digitais, as perdas gerais da Galaxy também foram atribuídas a investimentos em seus negócios de negociação e investimento.

A empresa reportou rentabilidade agregada para suas operações de gestão de ativos, investimento bancário e mineração. Investimento bancário e mineração registraram receita recorde e lucro líquido abrangente durante o trimestre.

Os ativos sob gestão detidos pela Galaxy Digital Asset Management caíram 5% durante o trimestre, para US$ 2,7 bilhões.

A lucratividade em declínio da Galaxy no primeiro trimestre refletiu a extrema volatilidade no mercado de ativos digitais, já que o Bitcoin (BTC) e as altcoins sofreram várias grandes drawdowns. O mercado parece estar entrando em uma fase de capitulação em maio devido à forte correlação do Bitcoin com outros ativos de risco.

Ativos de risco, incluindo criptomoedas, caíram desde que o Federal Reserve dos Estados Unidos e outros bancos centrais decidiram buscar agressivamente aumentos de taxas para combater a inflação crescente. Na semana passada, o Fed elevou as taxas de juros em 50 pontos-base, marcando o maior ajuste para cima em mais de duas décadas.

A Galaxy Digital, uma gestora de investimentos em criptomoedas, fundada por Mike Novogratz, deve adquirir o serviço de custódia institucional e operadora de carteira BitGo por US$ 1,2 bilhão. https://t.co/QinaTE3PRE

— Cointelegraph (@Cointelegraph) 5 de maio de 2021

Apesar da volatilidade do mercado, gestores de fundos de criptomoedas e capitalistas de risco continuam fazendo grandes investimentos estratégicos no espaço. A Galaxy planeja finalizar sua aquisição da BitGo no final deste ano, depois de anunciar sua intenção de comprar a custodiante de ativos digitais em maio de 2021. Enquanto isso, o financiamento de capital de risco em projetos de criptomoedas e blockchain atingiu um recorde no primeiro trimestre.

VEJA MAIS:

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Fonte: cointelegraph.com.br