FTX busca autorização judicial para vender 8% da participação na Anthropic


A FTX, exchange de criptomoedas que declarou falência, está se preparando para vender seu ativo ilíquido mais significativo: uma participação de 8% na startup de inteligência artificial Anthropic, avaliada em cerca de US$ 1,4 bilhões.

A empresa, agora sob a liderança do CEO John Ray III, entrou com um pedido judicial para aprovar a venda da participação da FTX na Anthropic.

A FTX também solicitou uma redução nos prazos do processo de venda para que possa ser analisado na próxima audiência do tribunal de falências, agendada para 22 de fevereiro.

Mecanismos de venda e potencial recuperação para credores

A FTX propõe dois métodos principais para a venda da participação: um leilão ou uma venda privada, mantendo o preço de referência sob sigilo para maximizar as ofertas.

Com a última avaliação da Anthropic chegando a US$ 18 bilhões em dezembro de 2023, a participação da FTX poderia render quase US$ 1,5 bilhões.

Esse valor representa uma grande esperança para as vítimas do colapso da FTX, com a empresa antecipando fundos suficientes para cobrir todas as reivindicações de clientes e credores integralmente.

Implicações e futuro da FTX e Anthropic

A movimentação da FTX para vender sua participação na Anthropic destaca uma estratégia focada na recuperação de valores para seus credores e na reestruturação de seus ativos.

A decisão de acelerar o processo de venda reflete a urgência em liquidar participações valiosas e potencialmente recuperar uma quantia significativa para os afetados pelo colapso da exchange.

O desfecho dessa venda será crucial para entender o futuro da FTX e seu impacto no ecossistema mais amplo de criptomoedas e tecnologia.



Fonte: BITNOTICIAS.COM.BR