Confira a carteira recomendada do BB Investimentos que rende acima do Ibovespa – Money Times


Banco do Brasil
(Imagem: Agência Senado)

A carteira recomendada do BB Investimentos teve rentabilidade maior do que o Ibovespa na semana passada.

A recomendação anterior do banco de investimentos teve uma rentabilidade acumulada de -4,67%, enquanto o Ibovespa (índice de referência) registrou variação de -5,36% (+69 pontos percentuais acima do benchmark).

Segundo o BB Investimentos, a composição da carteira foi alterada porque o Ibovespa findou aos 99.824 pts (-5,36% na semana), representando a terceira semana seguida de queda.

O índice manteve o viés declinante, que teve início no dia 3 deste mês, perdendo sucessivamente suportes, vindo abaixo do “piso psicológico” de 100 mil pontos.

“Vale ressaltar que ‘caiu com força’ – fato denotado pela elevação do volume médio diário em cerca de 37%, passando a R$ 31,5 bilhões (preliminar) na semana contra R$ 23,0 bilhões da semana anterior. Nenhuma sinalização ainda de reversão de tendência”, explicaram os analistas.

Além disso, o Fed subiu a taxa de juros nos EUA na quarta-feira (15), em 75 pontos-base, para o intervalo entre 1,25% a.a. a 1,50% a.a.– situação precificada mais incisivamente a partir da segunda-feira (13), pois antes era esperado aumento de 50 pontos-base.

No Brasil, o Copom elevou a taxa básica de juros (Selic) em 50 pontos-base, para 13,25% a.a., mas, os agentes passaram a projetar mais aperto monetário, influenciados também pelo anúncio de altas da gasolina e do óleo diesel na sexta-feira, que impactam mais a inflação, como cita o banco.

Por isso que, para a semana, foram mantidas Camil (CAML3) e Taesa (TAEE11); e entraram AES Brasil (AESB3), Eneva (ENEV3) e Qualicorp (QUAL3), no lugar de Alliar (AALR3), Bradespar (BRAP4) e Tupy (TUPY3).

Confira a carteira recomendada:

 

Disclaimer
Money Times publica matérias de cunho jornalístico, que visam a democratização da informação. Nossas publicações devem ser compreendidas como boletins anunciadores e divulgadores, e não como uma recomendação de investimento.

Entre para o nosso Telegram!

Faça parte do grupo do Money Times no Telegram. Você acessa as notícias em tempo real e ainda pode participar de discussões relacionadas aos principais temas do Brasil e mundo. Entre agora para o nosso grupo no Telegram!



Source link