Compre bitcoin e seja feliz, diz Monark a Raiam Santos, que teve conta no Itaú bloqueada


Compre bitcoin e seja feliz, assim pode ser resumido a recomendação de Monark para Raiam Santos, que teve sua conta bloqueada no banco Itaú. O escritor e investidor lamentou no Twitter/X que também perdeu suas contas nas redes sociais e perguntou qual o próximo passo.

Segundo Raiam Santos, suas contas foram bloqueadas por determinação judicial e, sem dar muitos detalhes, pediu ajuda aos seus mais de 121 mil seguidores.

Perdi as contas do Instagram. Perdi o canal do YouTube

Agora minha conta foi bloqueada por determinação judicial.

Qual o próximo passo? pic.twitter.com/Nu9nG5Pu4X

— Raiam Santos McArn (@raiam700) February 8, 2024

A resposta que se destacou na rede social foi a de Bruno Monteiro Aiub, o Monark, que também teve suas contas bloqueadas no ano passado e encontrou uma solução no Bitcoin.

O diálogo chamou a atenção pelo contexto de bloqueios judiciais enfrentados por ambos no Brasil, situando o Bitcoin como uma ferramenta potencial de liberdade econômica.

Raiam Santos perguntou: “Aí @monarkbanido como usa esse tal de bitcoin aí? Tomei bloqueio judicial igual a você e tô sem conta no Brasil.”

Respondendo, Monark compartilhou uma estratégia direta e eficaz: “Cria uma carteira física, compra bitcoin em uma exchange, envia para a carteira física, memoriza as palavras-chaves, e seja feliz.”

O conselho, apesar de possuir um pequeno problema (comprar em corretora), resume o processo de aquisição e armazenamento seguro de Bitcoin, enfatizando a importância da segurança das chaves privadas.

A conversa também destaca o crescente interesse no Bitcoin como meio de contornar limitações financeiras e judiciais, refletindo um movimento maior de brasileiros em direção à adoção da moeda digital.

Especialistas apontam para o potencial das criptomoedas em oferecer soluções de liberdade financeira, especialmente em contextos de restrições bancárias e governamentais.

Cria uma carteira fisica, compra bitcoin em uma exchange, envia para carteira física, memoriza as palavras chaves, e seja feliz.

— Monark (@monarkbanido) February 9, 2024

Monark e o Bitcoin

Navegando por um terreno complicado de perseguições políticas e judiciais, Monark encontrou um aliado no Bitcoin para garantir sua autonomia financeira e expressar sua crença na descentralização como um pilar de liberdade.

No ano passado, um episódio envolvendo uma multa imposta por Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), colocou Monark sob os holofotes.

O Banco Bradesco reportou que a conta do youtuber estava zerada, sugerindo uma possível movimentação de seus ativos para o bitcoin. A manobra destacou como o Bitcoin pode servir como um refúgio contra confiscos do governo, reforçando a mensagem de que, em um mundo cada vez mais totalitário, as criptomoedas oferecem um meio para preservar a liberdade econômica.

Além de contornar restrições financeiras, Monark utilizou o Bitcoin para transferir dinheiro para os Estados Unidos, facilitando seu processo de mudança em busca de um ambiente mais seguro.

A ação reforça a utilidade do Bitcoin para transações internacionais, liberando os usuários das amarras dos sistemas bancários tradicionais e das taxas exorbitantes geralmente associadas a transferências de dinheiro transfronteiriças.

A visão de Monark sobre o Bitcoin vai além do uso pessoal. Em entrevista ao Livecoins, ele disse enxergar a criptomoeda como um instrumento de descentralização fundamental para proteger ativos contra intervenções arbitrárias.

Em suas palavras, mesmo frente a tentativas de bloqueio por autoridades, seus bitcoins permanecem seguros, uma declaração poderosa sobre a robustez e a segurança que a tecnologia blockchain oferece.

“Eu só confio no #Bitcoin, todas as outras criptos aí eu acho que é tudo furada” — Monark @monarkbanido

– Bitcoin me ajudou a transferir dinheiro para os EUA
– Eu acho que é a mais promissora das moedas digitais, sinceramente, é a única que eu acho que tem algum valor hoje em… pic.twitter.com/VXPGkvuiYz

— Livecoins (@livecoinsBR) October 21, 2023

Monark se tornou um grande defensor do Bitcoin e sua trajetória com a moeda digital é um testemunho do potencial transformador da criptomoeda.

Em meio a debates sobre liberdade de expressão, autonomia financeira e inovação tecnológica, sua história é um exemplo de como o Bitcoin pode ser usado para assegurar direitos individuais.

Fonte: Compre bitcoin e seja feliz, diz Monark a Raiam Santos, que teve conta no Itaú bloqueada

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.





Fonte: cointimes.com.br