Coinbase testa assinatura de serviço de negociação sem comissão nos EUA

A Coinbase Global Inc. está testando um serviço de assinatura que permite aos clientes negociar na maior exchange de criptomoeda dos Estados Unidos sem pagar taxas por cada negociação, segundo reportagem da Bloomberg.

Os clientes ainda pagarão as chamadas taxas de spread nas vendas de criptomoedas e nas compras feitas por meio do serviço. Atualmente, os clientes da Coinbase pagam uma comissão e taxa de spread. 

“Estamos sempre procurando aprender mais sobre como podemos melhor atender nossos clientes de maneiras diferentes”, disse a Coinbase em comunicado na quarta-feira. “No momento, ainda estamos nos estágios iniciais, então tudo sobre a futura experiência do produto será moldado pelo feedback que recebemos de nossos usuários.”

A assinatura também pode ajudar a tornar as receitas da Coinbase mais previsíveis, disse Owen Lau, analista da Oppenheimer & Co. A Coinbase não deu muitas informações sobre a imprevisibilidade de suas vendas, que estão intimamente ligadas ao interesse e ao preço do Bitcoin e outras criptomoedas.

As ações da Coinbase (COIN) apresentaram desvalorização depois que a empresa divulgou uma queda de 75% no lucro líquido durante o terceiro trimestre.
O COIN fechou em 9 de novembro com um ganho de 0,98% a um preço de US$ 357,39, no entanto, a publicação do relatório do terceiro trimestre da exchange líder dos EUA, após o fechamento do mercado, coincidiu com uma queda de cerca de 13,10% (no momento da redação deste artigo) no mercado after-hours.

A Coinbase registrou receita de US$ 1,235 bilhão no terceiro trimestre, ficando bem abaixo das estimativas dos analistas, de acordo com a FactSet, de US$ 1,614 bilhão. Os lucros da empresa totalizaram US$ 406 milhões, marcando uma diminuição de 74,7% no lucro em comparação com o trimestre anterior, embora tenha ficado acima das expectativas dos analistas de US$ 380 milhões. A Coinbase também relatou lucro de US$ 1,62 por ação, o que ficou 10% abaixo da estimativa de consenso da FactSet.

A Coinbase poderia oferecer a assinatura aos usuários que negociarem menos primeiro para ajudar a atenuar qualquer impacto negativo na receita, disse Lau.

“Se você tentar perguntar a alguém que negocia muito, perderá taxas de transação substanciais com isso”, disse ele. “Eu acredito que a Coinbase iria devagar e tentaria encontrar um segmento piloto primeiro e ver se isso faria sentido.”

LEIA MAIS: 

Direcione seus links para OKEx em artigos, blogs e vídeos, ou coloque anúncio em seu site. O melhor programa de afiliados está na OKEx com comissões de 60%, as mais altas do mercado.

Obtenha seu link agora na OKEx!



Fonte: cointelegraph.com.br

Comments (No)

Leave a Reply