BR Partners estreia units na Bolsa brasileira, que fecham em alta de mais de 3% – Money Times


BR Partners BRBI11 IPO
Com a realização de seu IPO, o BR Partners passa a ser a 24ª empresa listada no Nível 2, segmento que assegura às empresas listadas o direito de manter ações preferenciais (PN) (Imagem: Divulgação/B3)

O banco de investimento BR Partners (BRBI11) estreou na manhã desta segunda-feira (21) as negociações de suas units na Bolsa brasileira, que fecharam em alta na B3 (B3SA3).

As units do BR Partners subiram 3,43%, cotadas a R$ 16,55 cada. O Ibovespa (IBOV) avançou 0,67%, a 129.264,96 pontos.

A oferta pública pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) contou com a participação do vice-presidente de Produtos e Clientes da B3, Juca Andrade, e Ricardo Lacerda, Sócio Fundador e CEO do BR Partners conectados com os demais executivos da companhia e conselheiros de administração.

No último dia 17 de junho, o conselho de administração do BR Partners, um dos principais bancos de investimento independentes do Brasil, aprovou o preço por unit de R$ 16 no âmbito de sua oferta restrita.

Considerando a faixa indicativa de preço divulgada, a precificação de units do BR Partners saiu no piso, já que variava entre R$ 16 a R$ 19.

Os recursos captados pelo IPO serão direcionados pelo BR Partners para a expansão dos seus negócios nas áreas de Crédito Estruturado e Mercado de Capitais e Sales & Trading.

Para aprofundar ainda mais a cobertura sobre o mercado de capitais, o Money Times elaborou a Central dos IPOs, seção em que os investidores ficam por dentro de tudo antes da própria estreia de uma companhia na Bolsa.

Veja como foi o IPO do BR Partners na B3:

Confira também o que é e como funciona um IPO:



Source link

Comments (No)

Leave a Reply