BlockBR recebe aporte da Nexxera e vai tokenizar mais de R$ 1 bilhão em recebíveis

A fintech voltada a setor de tokenização, BlockBR, anunciou que recebeu um aporte do Grupo Nexxera, uma das maiores empresas de tecnologia financeira do Brasil.

Com grande volume de processamento de transações por ano (cerca de R$ 3,6 trilhões em recebíveis), começa levando para a plataforma da BLOCKBR mais de R$ 1 bilhão em recebíveis para serem tokenizados nos próximos meses.

Além disso, segundo um comunicado encaminhado ao Cointelegraph, a Nexxera pretende criar, na BlockBR, uma via para o mercado que deseja tokenizar seus ativos, inclusive financeiros e mercantis, integrando sua base de clientes e identificando nos clientes outros ativos tokenizáveis.

“Está no nosso DNA estar alinhado e ser precursor do futuro para nossos clientes e parceiros. Entendemos que a tokenização de ativos, como recebíveis, é a próxima era dos processos financeiros e mercantis no mundo. Estamos muito satisfeitos em anunciar o investimento na BlockBR e acreditamos que juntos vamos ainda mais aproximar o futuro”, comenta Edson Silva, presidente do Grupo Nexxees, detentor de diversas marcas como Nexxera, NIX e outras.

Com os novos recursos recebido do investimento, a fintech declarou que vai ampliar o quadro de funcionários, investir em marketing e na expansão internacional, além de acelerar duas novas tecnologias que prometem alavancar a cultura de oferta de tokens e a democratização de investimentos em digital assets.

“É muito gratificante fazer parte da vanguarda da tokenização em nosso país, creio que seja um grande passo para o futuro do mercado financeiro como um todo. Este movimento representa um crescimento e maturação do mercado apresentando um volume de transações relevantes, mas que ainda é apenas o início do que será uma grande história.”, explica Cassio José Krupinsk, CEO e fundador da BLOCKBR.

Blockchain amplia uso e conecta ativos

Soluções baseadas em blockchain como as oferecidas pela BlockBR também integram o objetivo do IBRACHINA CHALLENGE by Igloo Network, concurso que seleciona e apoia empresas com soluções inovadoras.

A 6ª edição do desafio promovido pelo Instituto Sociocultural Brasil China – Ibrachina em parceria com a Igloo Network e apoio do Ibrawork premiará startups com soluções mais inovadoras em blockchain, dentro das verticais cripto (moedas digitais), metaverso, NFT e token (tokenização e criptoativos).  

Dez startups foram selecionadas para fazerem um pitch de quatro minutos no qual vão apresentar seu modelo de negócios para a banca de jurados. O evento será realizado nesta quinta-feira, 17, na sede do Ibrawork, em São Paulo.

Duas startups serão premiadas – a vencedora irá participar da Bitcoin Conference em Miami; terá vaga garantida na semifinal do Challenge que levará a vencedora para a GITEX Dubai ou WebSummit Lisboa e será integrada à curadoria da Igloo Network. 

“Escolhemos esses temas para a sexta edição do Ibrachina Challenge porque a blockchain é uma tecnologia inovadora que torna a criptoeconomia um caminho irreversível. Temos um ecossistema enorme de startups criando soluções usando blockchain e queremos apoiá-las no processo de fazer seus negócios escalarem”, explica Thomas Law, presidente do Ibrachina e um dos jurados da competição. 

LEIA MAIS

Siga-nos nas redes sociais

Siga nosso perfil no Instagram e no Telegram para receber notícias em primeira mão!





Fonte: cointelegraph.com.br