Bitwise faz pedido de ETF de Bitcoin ‘real’ com a NYSE Arca

Depois de quase dois anos, a Bitwise Asset Management mais uma vez se candidatou à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos para criar um fundo negociado em bolsa (ETF) de Bitcoin.

Em um anúncio de quinta-feira (14) no Twitter do diretor de investimentos da Bitwise, Matt Hougan, a empresa de investimento buscará um ETF Bitcoin (BTC) com a NYSE Arca que detém o “BTC real”, e não derivativos ou outra exposição indireta a criptomoedas. De acordo com Hougan, a equipe da Bitwise passou mais de dois anos analisando a capacidade da empresa de “vigiar e fazer cumprir” quaisquer tentativas de manipulação e concluiu que a Chicago Mercantile Exchange, ou CME, é um “mercado regulamentado de tamanho significativo” para o mercado cripto.

“O mercado amadureceu”, disse o CIO da Bitwise. “Um ETF de BTC real agora pode ser aprovado.”

O processo da empresa junto à SEC mostra que ela planeja registrar 1.000 ações de seu Bitwise Bitcoin ETP Trust com um preço de oferta máximo proposto de US$ 25. O pedido na SEC afirma que a empresa usará a Taxa de Referência CME dos EUA como uma referência de preço para o Bitcoin no fundo.

A Bitwise solicitou o registro de um ETF Bitcoin pela primeira vez na SEC em janeiro de 2019. O regulador rejeitou a proposta em outubro de 2019, mas depois disse que estaria revisando sua decisão. A Bitwise retirou seu pedido no ano seguinte, depois que a SEC basicamente manteve a proposta em espera. Na época, Hougan disse que a Bitwise planejava reabastecer “no momento apropriado” após a empresa ter abordado algumas das preocupações da agência no processo inicial.

Embora a Bitwise não tenha reaplicado seu pedido com a SEC para um fundo negociado em bolsa com exposição direta ao Bitcoin desde a retirada de 2020, a empresa lançou um ETF Crypto Industry Innovators em maio, que oferece aos investidores exposição a algumas das maiores empresas de capital aberto operando na indústria de blockchain e criptomoedas. O fundo foi baseado no Índice Crypto Industry Innovators 30 da Bitwise, que rastreia as principais empresas “envolvidas em atividades reais e materiais no setor de criptomoedas”.

Embora Gary Gensler da SEC tenha insinuado que estaria mais aberto a aceitar ETFs com base em futuros de criptomoedas do que por exposição direta, a agência reguladora dos Estados Unidos ainda não aprovou qualquer pedido de ETF BTC com lastro físico. Na semana passada, no entanto, a SEC aprovou um pedido para o Volt Crypto Industry Revolution e Tech ETF, que fornece aos investidores acesso a empresas com exposição significativa ao Bitcoin.

VEJA MAIS:

Direcione seus links para OKEx em artigos, blogs e vídeos, ou coloque anúncio em seu site. O melhor programa de afiliados está na OKEx com comissões de 60%, as mais altas do mercado.

Obtenha seu link agora na OKEx!





Fonte: cointelegraph.com.br

Comments (No)

Leave a Reply