98% dos fundos de hedge planejam investir em cripto até 2026  – Money Times


Pesquisa
O setor cripto tem chamado a atenção de fundos de hedge há algum tempo, inclusive de grandes nomes da área, como Bridgewater, conhecida por ter se mostrado cética quanto às criptomoedas (Imagem: Unsplash/Glenn Carstens-Peters)

Uma pesquisa feita pelo Intertrust Group, instituição holandesa fiduciária e gestão corporativa, descobriu que 98% dos fundos de hedge – a “esmagadora maioria”, afirma a pesquisa – terão algum tipo de exposição a cripto até 2026. 

Os resultados da pesquisa foram compartilhados com o The Block, mas, primeiro, foram informados pelo Financial Times

Além disso, uma média de 7,2% dos ativos dos fundos de hedge serão em cripto, de acordo com a pesquisa, que entrevistou 100 executivos de fundos de hedge até obter os resultados. 

“Isso acontece após um desempenho surpreendente das criptomoedas, como o bitcoin (BTC) e ethereum (ETH) no ano passado, e um crescente interesse de investidores institucionais e de varejo em ativos digitais”, afirma a pesquisa.

“Fundos de hedge terão de se preparar para essa mudança em suas alocações. Terão de pensar sobre o local em que esses ativos serão custodiados, como fortalecerão seus controles operacionais com relação a investimentos cripto e como irão verificar os ativos.”

Executivos de fundos de hedge norte-americanos, britânicos e europeus planejam ter 1% de seus portfólios compostos de cripto até 2026. 

Os fundos de hedge já vêm demonstrando interesse em cripto, visto que até mesmo a cética Bridgewater – o maior fundo de hedge do mundo – está de olho em bitcoin

Executivos da FalconX, uma plataforma de negociações de ativos digitais, disseram, anteriormente, ao The Block que perceberam gestores de fundos de hedge comprando bitcoin durante a queda no preço da criptomoeda em maio.



Source link

Comments (No)

Leave a Reply